domingo, 8 de julho de 2007

As cinco posições dos pés





























As cinco posições: Definidas pelo francês Pierre Beauchamps, elas descrevem o começo ou o fim obrigatório de todos os passos, além de estarem intermediando as demais marcações. São, como já citamos, cinco:
Na 1ª posição os pés devem estar en dehors (abertos) , calcanhares se encontrando (se você for iniciante, e não consegue juntar os calcanhares, pode afastá-los um pouco); a cava do pé deve estar para cima (borda externa do pé toda no chão). Os braços ficam abaixo da altura do seio à frente, arredondados.
Na 2ª posição os pés devem ficar mais distanciados e en dehors, calcanhares afastados um do outro; a cava do pé continua para cima e a base do pé firme ao chão. Os braços agora continuam arredondados, só que abertos para os lados. Eles não devem ultrapassar dos ombros. Cuidado! A mão segue a linha do braço. Não deixe a mão caída. Fica muito feio.
Na 3ª posição é menos utilizada que as outras, e menos conhecida também. Consiste em pés en dehors, calcanhar da perna de base "colado" atrás do calcanhar calcanhar da perna à frente. O braço da perna de trás deve estar arredondado e baixo ou à frente do tronco, enquanto o braço da perna da frente fica aberto como o braço da segunda posição, sem flexionar o corpo para o lado do mesmo, podendo este ser diferente.
A 4ª posição se assemelha à terceira, mas os pés encontram-se afastados, um mais à frente do outro. Os calcanhares tem que se encontrar em linha (como na foto), ou então, se você já consegue, a ponta do pé da perna de base faz linha com o calcanhar da perna à frente e vice-versa. A preocupação na quarta posição é para que o pé não fique "torto", então deve-se mantê-lo bem aberto (isso se deve à colocação da coxa bem en dehors), seguindo o princípio da cava do pé das outras posições. O braço da perna de trás deve ficar levantado e arredondado, ligeiramente mais à frente que a cabeça, enquanto o braço da perna da frente fica aberto para o lado da perna, arredondado.
A 5ª e última posição mostra-se como uma das mais difíceis juntamente com a quarta, pois deve-se manter os pés o mais aberto possível, e as coxas às vezes impedem isto. Nela, a ponta do pé de base fica exatamente atrás do calcanhar do pé da frente, com as coxas bem juntas uma a outra. Os dois braços devem erguer-se de forma arredondada igualada, mantendo-se sempre ligeiramente à frente da cabeça e as mãos a uma distância mais ou menos de 3 a 4 dedos.
A 6ª posição, ou pés paralelos, existe, mas não como uma posição. São executados em alguns exercícios, de alongamento principalmente. Os dois pés, como o nome diz, devem ficar juntos e paralelos, apontando para a frente. Aliás, se os pés paralelos fossem a 6ª posição, porque este conjunto se chamaria "Cinco Posições

19 comentários:

Juliana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
sabrina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Juliana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Barbie - Filmes, jogos imagens disse...

Mais fanatica que vc pela ginastica só eu bjus HONEY

Juliana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Poliana disse...

hummmmmmmm
to vendo que vcs são e burra
ballet e tudo

Ana Barbara Ludgero disse...

Nossa Genntii Ballet é mt bomm rs... amo de paxãoo

vivi disse...

Bom, eu acho que gostos não devem ser discutidos. São duas modalidades lindas, eu optei por ballet clássico, se você Juliana prefere a ginastica, vá em frente e seja uma ótima proficional. mais assim como você tem sua opinião os outros tb tem, e como você gosta de ginastica e eu de ballet, você deve respeitar, pois assim como eu você não iria gostar que eu falasse mal do esporte que você tanto ama!

nyara disse...

concordo plenamente com a vivi!, vc num gosta problema seu, os esportes são incrivelmente lindos e a ginastica é encantadora, mais se eu, a vivi, e outras por ai fazem ballet, vc ñ pode jugar ñ1 vc num iria gostar se eu falasse da "SUA" ginástica!

nyara disse...

concordo plenamente com a vivi!, vc num gosta problema seu, os esportes são incrivelmente lindos e a ginastica é encantadora, mais se eu, a vivi, e outras por ai fazem ballet, vc ñ pode jugar ñ1 vc num iria gostar se eu falasse da "SUA" ginástica!

Juliana disse...

geeente! desculpa pelos comentarios aí! nao era eu que estava digitanto, JURO! foi mal mesmo!

anna s2 8ºc forever disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
anna s2 8ºc forever disse...

gente, eu acho que a vivi ta um pouco errada pq a juliana tem o direito de publicar o que ela quiser.
ja por outro lado a juliana estava errada ao colocar aquelas observaçoes nada agradaveis, se vx ñ gosta de ballet nao significa que devamos ñ gostar tbm.
Experimente o ballet, eu tbm nao gostava de bale eu preferia o jazz mas quando comecei a praticar percebi que aquilo era melhor pra mim.
Respeite os outros porque vx gosta de ser respeitada por eles..

Rebeca Sasso disse...

Eu, até gosto de ginástica, mas amo ballet. Tanto que fiz Ballet e quero voltar a fazer. Tanto Bailarina quanto ginasta sofre... Mas cada um tem que respeitar o outro, ponto final (:

Anna =* disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anna =* disse...

Nossa, amei a postagem! Quando nós chegamos no nível técnico do ballet, parece que nos esquecemos de alguns princípios básicos, como a questão da distância dos braços, etc.. Foi bom ter dado um relembrada =) Parabéns

amanda disse...

nussa eu começei a fazer ballet esse anoo e estou amandooo!!!!so estou conseguindoo pq vejoo a maioria das coisas neste saite!!!! s2s2s2s2

Amanda Karina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Amanda Karina disse...

Faço Ballet a onze anos... consegui alcançar meu objetivo graças a todos que me ajudaram. Sou muito grata as professoras e a Deus q me deu forças para destruir os obstáculos e as barreiras q quase me impediram de continuar... sz BALLET é tudo para mim
Mtu legal esse site